Mostrando todas as notícias dos clubes

Lei Federal em apoio a Deficiência Monocular Visual

Agradecemos a Ca Valéria Muniz, do Rotary Club de Jacareí-Flórida 3 de Abril, pelo relato com vastíssima propriedade e competência acerca da causa dos Deficientes Visuais Monoculares. Apoie o projeto que reconhece em âmbito federal os direitos dos monoculares. Divulgue, compartilhe e informe parentes e conhecidos. Solicite uma palestra esclarecedora em seu clube, trabalho, cidade, ...

Postado em 18 de Setembro de 2018 por Rotary Club de São José dos Campos-Urupema

MERCADO DE TRABALHO - PALESTRA SOBRE PROFISSÃO DE PSICANALISTA

Em prosseguimento ao Projeto de Profissões e Mercado de Trabalho, aconteceu ontem, dia 18 de setembro, a palestra do Psicanalista Sérgio Pereira, no Centro Educacional de Mambucaba, com o apoio da diretora  Lygia Guimarães e promovida pelo Rotary Club de Angra dos Reis,  Os rotarianos Antônio Marques Mesquita, Rita de Cássia Rocha de Abreu e Sônia Andrade Marques Mesquita estiveram presentes. Este consagrado profissional que atua em Angra dos Reis e trabalha com psicoterapia holística, hipnoterapia e psicanálise clínica já auxiliou muitos clientes a saírem de quadros de depressão e os mais diversos males. Demonstrou para os presentes como é seu trabalho, com algumas práticas entre os participantes da audiência. A curiosidade foi demonstrada por diversas perguntas direcionadas ao palestrante que se mostrou extremamente simpático e solicito em responder todas as dúvidas sobre sua profissão. Sérgio lembrou a todos que as dores e os problemas estão no inconsciente. Então, é lá que devemos acessar para curar-nos. Isto se faz principalmente com relaxamento profundo e algumas vezes tirando o foco do problema para que o paciente relaxe e diga o que o incomoda.  Fez uma analogia comparando o consciente com a memória RAM do computador e o inconsciente onde está tudo que o ser vive, mesmo que ele não se lembre, com o HD.  Ou seja, acrescentou ele, "para tratar o que está no inconsciente é preciso desligar o consciente".  Ao relatar sobre depressão, mal tão comum em nossos dias, Sérgio Pereira salientou que esta moléstia é preocupação com o passado.  Algo guardado que a própria pessoa bloqueou.  Frisou o psicanalista que na verdade ele não trata de ninguém: "Quem trata de você, é você mesmo. Você cria bloqueios que provocam doenças. Eu somente mostro a você como desbloquear, mas só você pode querer" Sobre a carreira que escolheu ele declara que investiu com profissionalismo no que desejava fazer e que este é o caminho para alcançar suas metas profissionais.  Maria Fernanda Moura, 18 anos, foi uma das hipnotizadas durante o evento e disse que acredita na técnica e que traz resultados.  Ao demonstrar com uma prática que os estudantes poderiam levantar facilmente um jovem de 83Kg apenas com o poder da palavra, deixou a mensagem: "Tudo que formos fazer na vida devemos riscar a palavra Talvez e Não e afirmar no lugar: EU POSSO, EU CONSIGO!"

Postado em 18 de Setembro de 2018 por Rotary Club de Angra dos Reis

Quais os direitos dos Monoculares?

Na manhã desta terça-feira (18), a rotariana Valéria Muniz do RC de Jacareí-Flórida 3 de Abril e associada da Casa da Amizade de Jacareí , visitará o Rotary Club de São José dos Campos-Urupema para compartilhar sobre a Defesa dos Direitos dos Deficientes Visuais Monoculares no Brasil. 

Postado em 17 de Setembro de 2018 por Rotary Club de São José dos Campos-Urupema

Dia Internacional da Alfabetização

Com o propósito de fomentar a alfabetização nos vários países, a Organização das Nações Unidas (ONU) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) instituíram esta data em 1967. O processo da aprendizagem de ler e escrever (alfabetização) está diretamente relacionado com o desenvolvimento de um país, conforme indicam pesquisas na área. Quanto mais pessoas analfabetas, menor é o índice de desenvolvimento. As causas que o Rotary International visa para maximizar o seu impacto no mundo são chamadas de áreas de enfoque. Por meio de subsídios globais e de outros recursos, a organização ajuda os clubes a concentrar seus esforços humanitários em seis áreas, uma delas, é a Educação Básica e a Alfabetização. O objetivo do Rotary é fortalecer a capacidade das comunidades apoiarem educação básica e alfabetização, reduzir a disparidade de gêneros na área educacional e aumentar a alfabetização de adultos.   Como os rotarianos fazem acontecer? Nós entramos em ação para capacitar educadores a fim de incentivar o aprendizado em todos os níveis.    Capacitação de professores; Bolsas de estudos e Treinamento de profissionais que trabalham com populações vulneráveis. "Quando você ensina uma pessoa a ler, ela carrega esse legado pela vida inteira. Como uma onda, essa habilidade vai se espalhando por toda a comunidade." Mark Wilson, rotariano   O Brasil ainda celebra o Dia Nacional da Alfabetização em 14 de novembro. Esta data foi criada por iniciativa do Ministério da Educação e Ciência (MEC), a partir da lei nº 19.402/1930.

Postado em 08 de Setembro de 2018 por Rotary Club de São José dos Campos-Urupema

Transferência e Posse

A companheira Patricia Pereira Silva tomou posse no Rotary Club de São José dos Campos-Urupema por meio de transferência do RC de Jacareí-Athenas Paulista, onde foi sócia-fundadora. Devido às reuniões do primeiro clube realizar-se no período da manhã, o pedido foi realizado para que a agenda da Designer Editorial que atua profissionalmente na parte da manhã em SJCampos e na parte da tarde em Jacareí onde reside pudesse fluir com mais tempo para a organização rotária. O presidente 2018-19 Paulo de Tarso e os demais sócios do clube e convidados receberam a companheira com muito entusiasmo. Estiveram presentes ainda o GD 2017-18 Ivanir Chappaz, o GD 1996-97 Newton Camargo e o GD 2012-13 Xico Reis que apadrinou a companheira e designou-a para a presidência da Comissão de Imagem Pública do clube.  O RC de Jacareí-Avarehy se fez representar também por intermédio da companheira Cintia Redondo. "Tive o privilégio de servir ao Rotary por 2 anos no clube caçula do distrito, onde as oportunidades de atuação e os companheirismos com os outros quatro clubes de Rotary de Jacareí, Rotaract Club e Interact Club foram intensos, profícuos e muito satisfatórios. Hoje, coloco-me à disposição em um clube com 32 anos,  de outra área, e com uma dinâminca diferente junto a mais 8 clubes de Rotary na cidade. Não tenho dúvidas que será uma jornada fascinante, com muitos outros companheiros para estreitar laços e momentos de compartilhar a expertise da minha área de atuação", comentou Patrícia, a nova associada.    

Postado em 04 de Setembro de 2018 por Rotary Club de São José dos Campos-Urupema

Localizar site dos clubes